Loeb Capote desenha o conjunto fabril da Sicpa, fabricante de tintas especiais, no Rio de Janeiro, com uma área de convivência que se abre como uma praça | aU - Arquitetura e Urbanismo

Edifícios

Loeb Capote . Rio de Janeiro, RJ . 2010/2015

Loeb Capote desenha o conjunto fabril da Sicpa, fabricante de tintas especiais, no Rio de Janeiro, com uma área de convivência que se abre como uma praça

Por: Rafael Urano Frajndlich Fotos: Leonardo Finotti
Edição 253 - Abril/2015

Uma fábrica com diversos edifícios, abrigos de utilidades e vias que sugerem diferentes rotinas de produção convivendo no mesmo terreno. Há, no entanto, uma peculiaridade: o conjunto de galpões alinhados abre-se para uma praça conformada pelo edifício administrativo e de convivência desenhado por Loeb Capote, em uma implantação que reforça a área verde disponível na gleba e se diferencia de outras plantas industriais.

A Sicpa, fábrica de tintas especiais, existia há mais de dez anos em um terreno no Distrito Industrial de Santa Cruz, no Rio de Janeiro. A localização não é fortuita: as tintas que são feitas nos galpões servem para tingir um tipo muito especial de papel, o das notas do dinheiro corrente no Brasil, o Real. A escolha pelo bairro de Santa Cruz se justifica pela proximidade com a Casa da Moeda, a alguns quilômetros de distância, e facilita a logística do processo.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista aU - Arquitetura e Urbanismo

Outras opções



Destaques da Loja Pini
Aplicativos