Edifício RB12, do Triptyque Architecture, vence o Prêmio Saint Gobain de Arquitetura 2015 | aU - Arquitetura e Urbanismo

Edifícios

Notícias

Edifício RB12, do Triptyque Architecture, vence o Prêmio Saint Gobain de Arquitetura 2015

Além da premiação especial ao prédio comercial, outros oito projetos foram contemplados nas modalidades Residencial, Empresarial, Institucional, Arquitetura de Interiores e Estudante

Kelly Amorim, do Portal PINIweb
11/Março/2015
Divulgação

A Saint-Gobain divulgou na última sexta-feira (6) os nove vencedores do seu Prêmio de Arquitetura 2015. O edifício RB12, do Triptyque Architecture, recebeu a premiação Edição Especial 350 como melhor projeto por se destacar, segundo o júri, em relação a “complexidade de retrofit em conjunto com a aplicação de tecnologias sustentáveis e mais simples nas fachadas”.

“O júri avaliou o projeto como altamente relevante, pois oferece uma alternativa de qualidade arquitetônica voltada especialmente às necessidades das grandes metrópoles, tanto no Brasil quanto na América Latina. Ou seja, visa estimular a reforma de edifícios históricos sem a necessidade de grandes demolições. A iniciativa traz impactos positivos a toda a região do Centro Histórico da cidade do Rio de Janeiro porque evita que ocorra o acúmulo de entulho em locais com grande fluxo de pessoas”, explica a organização do prêmio.

O projeto do escritório franco-brasileiro também foi o primeiro colocado na modalidade Empresarial da categoria Profissional. Em segundo lugar neste grupo, ficou o empreendimento Costa do Ipê Parque Shopping, do Uncreated.net.

Já na modalidade Residencial da premiação venceu o projeto Casa 88º, do Atelier O´Reilly Architecture & Partners, desenvolvido em parceria com a Gaia Construtora, MADO Janelas & Portas e Rewood Madeira Laminada. O projeto Casas 3, do Estúdio Nacional Arquitetura e Design, levou a segunda colocação nesta modalidade.

Em Institucional, o Centro de Eventos e Exposições de Paraty, de Dal Pian Arquitetos Associados, e o Centro Olímpico de Sustentabilidade RJ 2016, do FGMF Arquitetos, ficaram, respectivamente, em primeiro e segundo lugar. O projeto de reestruturação física da Santa Casa de Juiz de Fora, da Imaginal Arquitetura e Urbanismo, ficou em primeiro lugar na modalidade Arquitetura de Interiores, enquanto o Living C, da VERT Arquitetura e Consultoria, ficou em segundo colocado.

Na categoria Estudante, por fim, venceu na modalidade Projeto Acadêmico a Escola Pública de Ensino Médio em Período Integral em Blumenau, elaborada por Tiago Tamanini Junior com orientação de Maria Inês Sugai, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).